A vitória por 3×1 sobre o São Joseense, no último domingo (25), na Ligga Arena, garantiu ao Athletico o primeiro lugar geral do Campeonato Paranaense. Colocação que viria até mesmo com uma derrota, por conta dos resultados de Coritiba e Maringá, mas serviu para o Furacão também manter a sequência de invencibilidade na competição, que agora chegou aos 29 jogos.

Atual campeão paranaense, o Rubro-Negro não vê o Estadual como a grande prioridade no ano do centenário, e sim uma conquista nacional ou internacional. Mas o técnico Juan Carlos Osorio destacou a importância da competição, que está tendo a oportunidade de disputar pela primeira vez.

É muito importante para nós, como clube ser o primeiro e estar invicto. Dizem que esse torneio não é o mais importante, mas o empate com o Coritiba gerou muitas críticas, o que mostra que o torneio é, sim, muito importante. Estou tendo uma grande oportunidade de desfrutar, viver o que é um Estadual e para mim é um torneio muito importante. Temos elenco para ganharmos esse torneio”, disse o treinador atleticano, em entrevista coletiva.

Osorio pede desculpas por última entrevista

Aliás, por falar no Atletiba, Osorio pediu desculpas pelo destemperamento na entrevista após o clássico. Na ocasião, ele se mostrou muito irritado e reclamou da postura dos dois times, mas especialmente do Athletico, que pouco criou oportunidades de gols.

O comandante do Furacão fez questão de esclarecer o assunto depois do duelo com o São Joseense. Embora não se arrependa das críticas públicas, afirmou que a tentativa em responder em português dificultou a interpretação.

“Quero pedir desculpas. Na última coletiva tentei falar em português e acredito que não fui claro. Não me arrependo do que disse, mas prefiro dizer em espanhol. Se o clássico é uma amostra do que é o futebol do Paraná, creio que é muito pobre. Ninguém teve controle da bola ou oportunidades claras de gol”, ressaltou.

Athletico tem semana livre

O Athletico volta a campo só no próximo final de semana, quando encara o Londrina, no Estádio do Café, pelo jogo de ida das quartas de final do Campeonato Paranaense. A data da partida ainda não foi definida pela Federação Paranaense de Futebol (FPF).

De qualquer forma, sem jogar ainda pela Copa do Brasil, o Furacão terá a semana cheia para trabalhar e não terá problemas de desfalques por suspensão, uma vez que a contagem de cartões amarelos zera para o mata-mata.

Juan Carlos Osorio, técnico do Athletico
Osorio admitiu importância do Paranaense para o Athletico. Foto: Geraldo Bubniak/AGB

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Osorio destaca importância do primeiro lugar para o Athletico e ressalta Estadual

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.