O técnico Ney Franco ficou, de certa forma, satisfeito com o empate em 2 x 2 contra a Portuguesa, fora de casa. Em coletiva após a partida, ele explicou as substituições que realizou e ainda projetou um bom futuro para o Verdão daqui pra frente na Série B. Confira abaixo os principais trechos da entrevista do treinador alviverde.

Terceiro gol
“Em alguns momentos, a gente esteve muito próximo de conseguir um bom resultado. No finalzinho do jogo, tivemos duas oportunidades claras e a bola quase entrou. A gente enfrentou uma equipe que, assim como o Corotiba, é credenciada a subir. Acho que hoje a gente conseguiu o que se deve fazer quando joga fora de casa, ou seja, pontuar. Agora nós temos que nos preparar para enfrentar o Brasiliense em Joinville, e nesse jogo não podemos tropeçar.”

Enrico e opções ofensivas
“O Enrico entrou bem, ele é talentoso, teve oportunidade hoje e fez o gol. Acho que o Dudu, mais uma vez, fez uma boa partida. Agora temos boas opções ofensivas, o Rafinha, o Marcos Aurélio, o Renatinho, Dudu, Enrico. O próprio Jefferson também, hoje foi um pouco mais acanhado, mas tem potencial.”

Angelo e Capixaba
“O Angelo fez uma boa partida, mas a gente teve que fazer essa alteração, que foi a entrada do Capixaba. O primeiro gol deles foi de bola parada, mas não foi culpa do lateral, foi de quem devia marcar o jogador no meio-campo. Mas o segundo gol saiu do lado direito, houve erro de marcação.”

Substituições
“A segunda substituição eu optei por tirar um zagueiro e colocar mais um atacante, para ficar com dois meias e dois atacantes. A outra opção era colocar mais um meia descansado, por isso tirei o Jefferson.”

Marcos Paulo
“Ele não se queixou de lesão grave, e a consutão dele não era para tirá-lo do jogo. Ele é um jogador que tem muita regularidade, nos nossos últimos jogos ele foi muito bem. Eu acho que foi o primeiro jogo que ele foi mal, mas nada que possa dizer que ele está com algum problema. Ele apenas jogou abaixo do potencial dele.”

Meta antes da Copa
“Nós estamos numa linha de trabalho de fechar essa parte antes da Copa do Mundo com competência. Nesses próximos quatro jogos esperamos fechar bem. Mas óbvio que estamos atentos ao mercado, e avaliando a possibilidade da chegada de mais jogadores.”