Foto: Londrina EC/Divulgação

O presidente do Londrina, Felipe Prochet, enviou um ofício ao presidente da Federação Paranaense de Futebol, Hélio Cury, sugerindo que todas as partidas restantes do Campeonato Paranaense sejam disputadas em Curitiba. A informação é do portal Você Esporte Clube.

“Considerando que as emissoras de televisão aberta e fechada estão sem programação esportiva, e como forma de auxiliar as recomendações de ficar em casa (…) o Londrina Esporte Clube propõe a realização da fase final do Campeonato Paranaense 2020 em uma única sede, com os jogos em portões fechados e com estrutura mínima de logística e de representação de equipes envolvidas, com um Protocolo de Ação  baseado em Notas Técnicas da autoridade sanitária estadual”, escreveu o dirigente do Tubarão.

Arena da Baixada, Couto Pereira, Vila Capanema e Janguito Malucelli seriam os estádios utilizados no formato proposto por Prochet.

“As equipes do interior Londrina, Cianorte e Cascavel estariam sediadas durante o período na região, pois os jogos seriam em até 48 horas entre eles e horários diversos,  pois os estádios possuem iluminação adequada para prática noturna”, acrescenta o cartola.

O presidente da FPF, Hélio Cury, já descartou a possibilidade de estádio único, em entrevista à Banda B.  “Pessoalmente, eu discordo. Temos oito times no campeonato, sendo três na capital, um a 100 km e outro a 110 km. Cinco times estão próximos. O máximo que pode se viajar é para Londrina, Cianorte e Cascavel”, opinou.

O torneio, que foi paralisado no dia 15 de março, devido ao surto do novo coronavírus, foi interrompido antes das quartas de final. Coritiba, FC Cascavel, Athletico, Operário, Cianorte, Londrina, Rio Branco e Paraná foram os classificados para a fase, enquanto PSTC e União Beltrão foram rebaixados para a segunda divisão estadual.