Da Redação

Pelo menos uma pessoa foi presa durante a operação (Fotos: PRF)

Mais de cem agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Polícia Militar (PM) cumpriram seis mandados de prisão e outros quatro flagrantes nas ruas da Região Metropolitana de Curitiba. As prisões fazem parte de uma operação conjunta que começou na madrugada desta quinta-feira (16) contra integrantes de uma quadrilha especializada em assaltos a ônibus de turismo.

Cão da PRF participou da operação

Além dos mandados e dos flagrantes por tráfico de drogas ou posse ilegal de arma, as polícias apreenderam três armas de fogo (uma espingarda calibre 28, uma espingarda calibre 24 e um revólver calibre 38); três munições calibre 12; aproximadamente 1,2 quilo de maconha (três apreensões diferentes), uma balança de precisão e um pé de maconha.

Expedidos pela Vara Criminal de Campina Grande do Sul, os mandados se referem a uma quadrilha que efetuou, nos últimos quatro meses, ao menos quatro assaltos a ônibus no Paraná. Ao todo, eram oito mandados de prisão contra homens e um contra uma mulher.

Os assaltos ocorreram nas BRs 116, 376 e 277, em trechos localizados nos municípios de Campina Grande do Sul, Quatro Barras, São José dos Pinhais e Palmeira. Em uma das ocorrências, integrantes da quadrilha trocaram tiros com policiais rodoviários federais. Os mandados estão sendo cumpridos nas cidades de São José dos Pinhais, Campina Grande do Sul e Mandirituba.

Durante os assaltos, a quadrilha costumava agir com violência, efetuando disparos de arma de fogo para abordar os veículos em movimento e agredindo os passageiros. Em uma das ocorrências, os bandidos ameaçaram cortar o dedo de uma passageira. A maioria das vítimas dos assaltos eram passageiros que fariam compras no Paraguai ou em São Paulo (SP). Participam da operação 50 policiais rodoviários federais e 60 policiais militares.