(Foto: Reprodução/aRede)

 

Um homem de 39 anos foi preso na tarde desta quarta-feira (13) em uma estrada rural de Ponta Grossa, nos Campos Gerais. Ele é suspeito de ter abusado sexualmente de uma menina de 15 anos. O nome de ambos será preservado pela equipe de reportagem do Jornal da Manhã e do portal aRede.

O suspeito e a garota estavam em um carro. Uma equipe da Polícia Militar (PM), responsável pela Patrulha Rural, efetuou a abordagem.

Segundo o cabo Klepa da PM, o homem estava abaixado ao lado da porta do carro – próximo a entrada do motorista. “Ele se assustou quando notou a presença da equipe e se levantou rapidamente. Verificamos a situação das pessoas que ali estavam”, explicou.

Durante o flagrante, o suspeito teria informado que a menina era filha dele. “Mas a jovem não portava documentos. Foi conversado mais um pouco com ele e a garota. Indagada sobre como seria o nome completo do pai, ela não soube informar com exatidão. A partir disso, a menina confirmou que os dois estariam tendo relações”, completou o cabo.

Os dois foram conduzidos a 13ª Subdivisão Policial (SDP) para as medidas cabíveis. O carro em que eles estavam também foi apreendido.

Na carceragem da Delegacia, o homem disse que a jovem é sua namorada. “Não chegou a acontecer nada. Sempre respeitei a vontade dela. Fomos até a região porque eu sou vendedor e queria mostrar uma propriedade que eu atendo”, justificou. O suspeito seria conhecido da família da menina. Ele é casado e tem um filho de dez anos de idade. Aos PMs o homem garantiu que passou na casa da garota e de lá seguiram para a área rural.

Legislação

Segundo a legislação, esse tipo de crime pode gerar detenção de seis meses a dois anos ou multa. Abuso, violência e exploração sexual de crianças e adolescentes são enquadrados penalmente como corrupção de menores (art.218) e atentado violento ao pudor (art.214), caracterizado por violência física ou grave ameaça.