Um corpo carbonizado foi encontrado em uma área de mata às margens da BR-116, no começo da noite de segunda-feira (22). Segundo a Polícia Militar (PM), o corpo foi visto por moradores, que chegaram a ver uma fumaça estranha um dia antes, mas em primeiro momento pensaram que pudessem ser vizinhos. 

corpo-carbonizado-fazenda-rio-grande-margens-br
Foto: Colaboração/Portal Fazenda.

O corpo estava em uma pequena clareira que se abriu no matagal, na altura do quilômetro 130 da rodovia, na pista sentido Mandirituba. Uma das moradoras contou que no domingo (21), viu a fumaça.

“Saiu uma fumaça preta, a gente achou que estavam queimando lixo. No outro dia fomos dar uma olhada se estavam queimando fio ou algo do tipo, porque sempre tem, mas vimos que era um corpo. Chamamos a polícia”

disse uma moradora, que preferiu não ser identificada.
corpo-carbonizado-fazenda-rio-grande-margens-br-1
Foto: Colaboração/Portal Fazenda.

De acordo com a apuração da reportagem do Portal Fazenda, a perícia constatou ser um homem. Isso porque, de acordo com a Polícia Científica, algumas partes não foram queimadas.

Ainda segundo a perícia, tudo indica que a vítima foi morta em outro local e o corpo levado enrolado para ser queimado. O crime é investigado pela equipe da Polícia Civil de Fazenda Rio Grande.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Moradores veem fumaça e um dia depois encontram corpo carbonizado em matagal às margens da BR-116

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.