O Procon de Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba, está fazendo um alerta para idosos e pensionistas sobre golpes, principalmente com empréstimos indevidos ou não solicitados, via telefone, internet e WhatsApp. De acordo com o Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumidor (SINDEC), apenas em 2021, o Procon recebeu em torno de 600 reclamações sobre o tema.

Procon de Araucária faz alerta para que idosos e pensionistas tomem cuidado com golpes envolvendo empréstimos
Foto: Araucária no Ar

De acordo com a diretora do Procon Araucária Sâmara Arruda, o consumidor deve evitar a realização de empréstimos consignados via telefone ou por redes sociais. O melhor é fazer o procedimento de forma presencial nas agências bancárias ou após solicitação do consumidor.

“Sempre exigir cópia do contrato de empréstimo e também evitar passar dados pessoas por telefone ou mensagem de texto”, recomenda

A Lei Estadual 20.276/2020 proíbe que os bancos entrem em contato para oferecer empréstimo sem interesse prévio do consumidor. Sâmara explica que há três exemplos mais comuns nesse tipo de golpe.

No primeiro, os golpistas fazem as abordagens em redes sociais e oferecer empréstimos. Eles pedem o pagamento adiantado e, quando isso acontece, o suspeito desaparece com esses valores depositados.

O segundo exemplo mais comum, segundo a diretora do Procon, é quando o consumidor percebe um valor não esperado na sua conta. Logo depois, o suposto colaborador do banco pede que esse dinheiro seja depositado em uma conta bancária falsa.

“O consumidor devolve os valores para o golpista achando que é o banco e fica com a dívida do empréstimo”, conta

Uma terceira modalidade de golpe acontece quando o suposto colaborador do banco liga e pede a confirmação de dados pessoais do consumidor. Com isso, os dados são utilizados para a realização de empréstimos não solicitados.

O que fazer se cair em um golpe?

Sâmara destaca que o consumidor precisa procurar o Procon caso seja lesado. O órgão pode dar uma orientação sobre o problema ou verificar se há a necessidade de fazer uma análise da viabilidade do problema para que ele possa ser resolvido de forma administrativa.

A devolução de empréstimos indevidos devem ser feitos diretamente na agência bancária ou por intermédio do Procon, que possui contatos confiáveis via sistema SINDEC e ProConsumidor.

O Procon Araucária atende por meio do telefone, o (41) 3614-1786, pelo qual são feitos os agendamentos para atendimentos presenciais e orienta em caso de dúvidas. O 0800-643-2834 continua ativo e também pode ser acionado. Ambos têm atendimento das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira. O atendimento presencial ocorre até as 14h no local. A sede do serviço fica na Rodovia do Xisto, 5815.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Procon de Araucária faz alerta para que idosos e pensionistas tomem cuidado com golpes envolvendo empréstimos

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.