JOANA CUNHA

A Village manteve neste ano a decisão de não produzir mais ovos de Páscoa para serem vendidos no varejo. A suspensão na fabricação dos tradicionais produtos de chocolate foi anunciada em 2022, quando, pressionada pelo alto custo de insumos e embalagens, a companhia se retirou da campanha de Páscoa.

Ovo de Páscoa encolhe para caber no bolso do brasileiro, aponta estudo de plataforma
Imagem ilustrativa: Pixabay.

Segundo Sócrates Luiz, da área comercial da Village, a decisão em 2023 foi a de não voltar a arriscar na negociação com os varejistas. Alguns ovos ainda serão produzidos, mas a comercialização ficará restrita às unidades da loja de fábrica, a padaria Cepam, que também terá os bolos de Páscoa da marca.

A Abicab (Associação Brasileira da Indústria de Chocolates, Amendoim e Balas) diz que o volume de lançamentos neste ano é 9% superior ao do registrado no ano passado.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Marca de ovo de Páscoa mantém corte de produção para evitar custos

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.