Assassino de Raphaella Noviski dá detalhes do crime à delegada…

Misael Pereira, 19 anos, assassino confesso de Raphaella Noviski, 16, contou à delegada de Alexânia (GO) detalhes do crime. A jovem levou 11 tiros no rosto #MetrópolesEntorno

Posted by Metrópoles on Monday, November 6, 2017

 

Misael Pereira Olari, de 19 anos, o jovem que matou a estudante Raphaella Noviski, de 16, na segunda-feira (6), em uma escola pública de Alexânia, no Entorno do Distrito Federal, não se arrependeu do crime e diz que matou porque a odiava, uma vez que foi rejeitado amorosamente por ela. Em depoimento dado a delegada Rafaela Azzi, o suspeito afirmou que atirou várias vezes para ela não sentir dor.

Estudante foi morta a tiros

“Comprei a arma para matar a Rafaela, porque eu a odeio. Conheço ela há cinco anos. Comprei um presente e não tive coragem de dar para ela”, disse o jovem, bastante confuso durante o depoimento.

Para a delegada, em entrevista ao G1, o ódio a que ele se refere é proveniente da rejeição de Raphaella para com um relacionamento entre eles, desejado pelo jovem.

“Ele gostava dela, que não dava abertura. Toda vez que ele se aproximava com alguma tentativa seguida de uma negativa, vinha a decepção e isso foi se transformando em ódio”, destaca.

Notícia Relacionada: