O ganhador do último sorteio do Nota Curitibana do ano vai levar um belo presente de Natal para casa: um prêmio de R$ 150 mil, já livre de impostos. O número premiado foi sorteado nesta terça-feira (15/12) na Prefeitura de Curitiba e o nome do sortudo deve ser conhecido nos próximos dias, após checagem por auditoria independente.

(Foto: SMCS)

 

O bilhete premiado do 28º sorteio do Nota Curitibana foi 894.765. Os participantes podem verificar se foram premiados no site nota.curitiba.pr.gov.br, conferindo o número dos bilhetes.

Se o premiado tiver indicado uma entidade de assistência social, a instituição receberá R$ 25 mil, somando um total de R$ 175 mil em prêmios nessa edição.

Concorreram neste sorteio 1.368.51 bilhetes, com um total de 72.034 participantes. O sorteio considerou notas fiscais pedidas em outubro de 2020.

Como participar

Lançado em 2018, o Nota Curitibana incentiva a emissão de nota fiscal na área de serviços, contribui para inibir a sonegação de impostos e distribui prêmios para o contribuinte.

Para participar dos sorteios, o contribuinte precisa fazer um cadastro no site do Nota Curitibana ou no aplicativo Nota Curitibana, disponível nos sistemas Android e iOS, e informar o CPF na emissão da nota fiscal.

O cadastro do Nota Paraná, programa do governo estadual, não vale para o Nota Curitibana, cujos créditos são gerados em notas eletrônicas de serviços no município.

É possível pedir o CPF na nota de serviços em estabelecimentos como como oficinas mecânicas, escolas, cursos educacionais, academias, gráficas, salões de beleza, pet shops, hotéis e estacionamentos, por exemplo.

A cada consumo do serviço é gerado um bilhete na primeira nota fiscal eletrônica do mês, independentemente do valor, e, na sequência, um cupom a cada R$ 50, com validade para o mês do respectivo sorteio.

Além dos prêmios, os participantes podem usar os créditos para abater até 50% do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano).

Todo mês são sorteados prêmios de R$ 50 mil, R$ 20 mil e R$ 10 mil. A entidade de assistência social indicada pelo ganhador recebe um prêmio adicional de R$ 25 mil, R$ 10 mil e R$ 5 mil. Lembrando que se trata de um valor adicional, premiado e entidade não dividem o prêmio. Em datas especiais, como o Natal e o aniversário de Curitiba, o prêmio é de R$ 150 mil, e a entidade recebe outros R$ 25 mil.

Desde o seu início, o programa já distribuiu R$ 6,5 milhões em prêmios. São 145.090 participantes dos sorteios, 172 instituições e 153.733 estabelecimentos emitentes de notas cadastrados.

Covid-19

Nesse ano, os sorteios foram suspensos em março por conta da interrupção dos eventos da Loteria Federal pela Caixa Econômica Federal devido à pandemia de covid-19. A apuração dos contemplados do Nota Curitibana, realizada eletronicamente, tem como base a extração da Loteria Federal. Assim, a suspensão dos eventos da loteria provocou também a paralisação dos sorteios do Nota Curitibana.

Em julho foi realizado o sorteio de número 26, mas o cronograma foi paralisado novamente por conta das restrições do período eleitoral.

A retomada veio com o 27º sorteio, realizado no dia 8 de dezembro.

Apesar da suspensão dos sorteios, as notas geradas nos últimos meses continuaram valendo, explica o coordenador do programa, Mario Nakatani Junior, da Secretaria Municipal de Planejamento, Finanças e Orçamento.

Sorteio

Nesta terça-feira (15/12), o sorteio foi presidido por Mario Nakatani Júnior e Rodrigo Colchon Maciel foi o secretário da sessão. A mesa foi composta ainda pela auditora Elisângela Kramar, da Mazars Auditores, e Ilson Lins da Silva (analista de sistemas da Prefeitura). O sorteio foi executado no aplicativo pelo cerimonialista Sedenir Domingos Tremarin.

O processo é feito por meio de um microcomputador, com sistema operacional e softwares usados exclusivamente para o Nota Curitibana. O aparelho fica guardado em um cofre e permanece em uma embalagem selada até o momento do sorteio.