Por Luiz Henrique de Oliveira

A Delegacia de Campina Grande do Sul, na região metropolitana de Curitiba, prendeu nesta quarta-feira (24)Anderson Borges Friedrich, de 29 anos, o ‘Polaco’. Ele é acusado de matar a pauladas, no bairro Lagoa Vermelha, às margens da BR-116, Wesley Freitas, de 27 anos, em julho deste ano. Polaco foi detido em Matinhas, no Litoral do Paraná, trabalhando como um pedreiro em uma obra.

campinaSuspeito matou por dívida de R$ 15 (Foto: Divulgação)

Segundo o delegado Antonio Messias da Rosa, de Campina Grande do Sul, Polaco e dois comparsas levaram a vítima até uma casa abandonada e o espancaram, por conta de uma dívida de R$ 15 relacionada às drogas.

“O Polaco estava na cidade de Matinhos, na localidade de Cambará. É um rapaz perigoso, que já havia matado outra pessoa em Toledo, em 2006. Estava escondido no Litoral, morando com uma família que não sabia o perigoso que passava””, descreveu Da Rosa à Banda B.

Agora as investigações são para encontrar os outros dois envolvidos no crime. Polaco permanece preso, à disposição da Justiça.