A enfermeira Terezinha, que atuava no Hospital Universitário da UEPG luta pela vida em um leito da Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Ela ajudou na organização da ala da Covid-19 do HU-UEPG, atuou na linha de frente do combate à pandemia e acabou contaminada.

(Foto: Divulgação)

 

Na manhã desta sexta-feira (16), o prefeito de Ponta Grossa, Marcelo Rangel, pediu uma corrente de oração pela enfermeira. Segundo informações da assessoria de imprensa da UEPG, Terezinha está internada em um leito de UTI Covid, desde a última terça-feira (14).

As informações sobre os Campos Gerais acesse o Portal A Rede clicando aqui.