Por Luiz Henrique de Oliveira

(Foto: Djalma Malaquias – Banda B)

A velha piadinha de que Atlético e Coritiba enroscaram na Ponte Preta não poderia ficar de fora. Na manhã desta sexta-feira, um caminhão achou que a ponte seria um adversário fácil e acabou ficando no meio do caminho, tal qual a dupla Atletiba em rodadas recentes do Campeonato Brasileiro.

O Coxa perdeu fora de casa para a Ponte Preta por 4 a 0, já o Furacão, em casa, levou de 2 a 0. Por sua vez, o caminhoneiro perdeu na manhã de hoje por alguns centímetros. Se os times da capital foram pegos de surpresa pela ponte, o condutor não pôde fazer essa alegação, porque é avisado antes pelos diversos radares na Rua João Negrão.

Ponte

Considerada uma obra de arte da engenharia ferroviária, a Ponte Preta é única no mundo. Sua arquitetura foi especialmente desenvolvida, já que naquela época não existia o conceito de protensão (tensões prévias no concreto). A Ponte Preta foi desativada nos anos 70, devido à inauguração da nova estação rodoferroviária, e tombada como patrimônio histórico estadual em 1976.