Operário, do atacante Douglas Coutinho (foto), vai retornar aos treinos ainda nesta semana. (Gustavo Oliveira/Londrina)

O Operário pretende retornar aos treinamentos presenciais até o final da semana. Depois da autorização da Secretaria da Saúde, representantes da diretoria, do departamento médico e da comissão técnica se reuniram para definir os protocolos de retorno dos jogadores aos treinos.

Os atletas, membros da comissão técnica e demais funcionários envolvidos nas atividades presenciais serão submetidos nesta quarta-feira (26) ao teste RT-PCR para diagnosticar a presença da Covid-19. A expectativa é que o resultado saia na quinta (27) e os treinos retornem na sexta (28).

“Nós vamos gastar cerca de 15 mil reais em exame e todos os custos serão bancados pelo Operário. Nosso médico disse que precisávamos fazer os exames de 15 em 15 dias e não tem clube que consiga. Vamos fazer um protocolo diferente, medir a temperatura toda manhã, se teve alguma tosse. Qualquer irregularidade o jogador é tirado do treinamento e entra em quarentena”, explicou o presidente Álvaro Góes.

Quarto colocado na fase de classificação, o Operário enfrenta o Cianorte nas quartas de final do Campeonato Paranaense. Os outros confrontos do mata-mata do estadual são Coritiba x Paraná, Athletico x Londrina e FC Cascavel x Rio Branco.