Em vídeo publicado no Instagram nesta quinta-feira, Serafim Abreu, o CEO da Time for Fun, a empresa responsável pelos shows de Taylor Swift no Brasil, respondeu à uma série de cobranças que a empresa vem sofrendo dos fãs da cantora desde que ela estreou sua turnê no Brasil, na sexta-feira (17), no Rio de Janeiro.

image-16-9
Reprodução Instagram

Ele disse que a Time for Fun busca o conforto dos fãs, mas reconhece que a empresa poderia ter tomado atitudes como criar áreas de sombra nas zonas externas no estádio do Engenhão, no Rio, alterar o horário dos shows da cantora e enfatizar a possibilidade de entrada nos estádios com copos de água descartáveis.

Ele pediu desculpas “a todos que não tiveram a melhor experiência possível” nos shows e pela demora em se manifestar publicamente. Também reconheceu que sua empresa e outras produtoras de eventos precisarão se adaptar, de agora em diante, ao calor extremo que assola o país.

De acordo com ele, esta é a primeira vez que acontece uma morte num evento da Time for Fun, em 40 anos de atuação. Abreu lamentou a morte da jovem Ana Clara e expressou condolências à sua família. Também se colocou à disposição para prestar assistência e afirmou que a oferta de ajuda já havia sido feita desde a morte.

Ele acrescentou que, nos shows de Taylor Swift em São Paulo, seguindo as autorizações do governo, está autorizada a entrada de garrafas de água plásticas e também de copos de água.

Ana Clara Benevides, de 23 anos, morreu durante o primeiro show de Taylor Swift no Brasil, na semana passada, após passar mal. Benevides estava na grade em frente ao palco e acabou desmaiando no local. As temperaturas dentro do estádio atingiram 60ºC.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

T4F, que produz shows de Taylor Swift, pede desculpas por falhas nos eventos

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.