John McAllister, que estrelou o documentário “Unlocked: A Jail Experiment” (Netflix), foi encontrado morto em sua cela na prisão aos 29 anos.

Ele foi encontrado inconsciente em sua cela, Pine Bluff, Arkansas, nos EUA, no dia 2 de junho. Conforme o Mirror, foi declarado como morto após ser levado para o Jefferson Regional Medical Center, às 8h50.

astro-netflix
Foto: Reprodução/Netflix

Até o momento, as autoridades descartaram crime e automutilação. A causa da morte ainda não foi revelada.

A tia do presidiário lamentou a perda em uma página do GoFundMe, criada para arcar com os custos do velório. “Seu falecimento repentino deixou nossa família arrasada”, declarou Melissa Regan.

Documentário na Netflix

O documentário “Unlocked: A Jail Experiment” apresenta um experimento social no Centro de Detenção Regional do Condado de Pulaski. No local, os prisioneiros têm mais liberdade e responsabilidades.

A produção, lançada em abril, acompanhava John McAllister, que queria recomeçar a vida. Ele cumpria pena por crimes relacionados a drogas, invasão e arrombamento, roubo e porte ilegal de arma de fogo quando foi encontrado morto.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Astro de documentário da Netflix é encontrado morto em prisão aos 29 anos

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.