Foto: Colaboração

 

Um princípio de rebelião na Delegacia de Campina Grande do Sul, na região metropolitana de Curitiba, foi contido por policiais na tarde desta quarta-feira (24).

De acordo com a Polícia Civil, os presos reclamavam da superlotação da unidade. Atualmente, a carceragem da delegacia, que tem capacidade para 10 presos, abrigava 53 pessoas.

“A situação está parcialmente controlada e não houve fugas. A carceragem local teve danos estruturais. Nenhum policial ou detento ficou ferido”, informa nota da Polícia Civil.

Os líderes do motim foram transferidos da unidade.