Dois homens foram presos suspeitos de armazenar material contendo abuso sexual infantil nesta sexta-feira (17), em Maringá, no Norte do Paraná. A Polícia Federal (PF) chegou aos suspeitos através de uma investigação que rendeu cumprimento de mandados de busca e apreensão.

violência sexual infantil
Divulgação Hospital Pequeno Príncipe

Nas ações, os dois homens foram presos em flagrante. Segundo a PF, ambos armazenavam conteúdo de crianças e adolescentes em condições de nudez e sendo abusadas sexualmente.

Além disso, foram apreendidos celulares, computadores portáteis e mídias de armazenamento que serão submetidos à perícia.

Conforme a PF, os investigados poderão responder pelo crime de adquirir, possuir ou armazenar conteúdo pornografico de crianças ou adolescentes, previsto no artigo 241-B do ECA. A pena máxima é de 4 anos de prisão.

Combate

Neste sábado (18), é o Dia Nacional de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes.

De acordo com o Fórum Brasileiro de Segurança Pública, em 2023, foram registrados 56.820 casos de estupro de vulneráveis, com a maioria das ocorrências acontecendo nas residências das vítimas (68,3%). Dados da ONG SAFERNET, registram que, ainda em 2023, houve um recorde de denúncias de crimes praticados contra crianças e adolescentes na internet.

A Polícia Federal reforça a importância de pais e responsáveis monitorarem e orientarem seus filhos tanto no ambiente virtual quanto no físico, a fim de protegê-los contra abusos sexuais. A prevenção é essencial para garantir a segurança e o bem-estar de crianças e adolescentes.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Homens são presos ao serem flagrados com conteúdo de abuso sexual infantil no Paraná

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.