Por Elizangela Jubanski e Daniela Sevieri

Crime aconteceu às 22 horas. Foto: DS/Banda B

A família de um homem de 31 anos o proibiu de sair de casa para evitar o uso de drogas. Na noite desta segunda-feira (7), ele conseguiu escapar pela janela do quarto, sem saber que não teria volta para casa. Ele foi assassinado em frente de casa com quatro disparos de arma de fogo, na região do Jardim Fátima, nas proximidades do Rio Pequeno, em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. A família está abalada e os autores do crime ainda não foram encontrados.

A família o mantinha dentro de casa. A tenente Jéssica, do 17º Batalhão da Polícia Militar, confirmou à Banda B que ele conseguiu escapar pela janela. “A vítima tinha 31 anos e era usuário de drogas, inclusive, estava em casa, a família estava o mantendo dentro de casa, obrigado, digamos assim, para tentar que ele não usava mais substâncias entorpecentes. Mas ele conseguiu sair pela janela e ficou, segundo testemunhas, cerca de 40 minutos conversando com algumas pessoas”, descreveu a tenente.

Nesse momento, vizinhos ouviram diversos disparos de arma de fogo e encontraram o jovem, identificado como Thiago Leonardo Santos do Nascimento, já caído no chão. A irmã e o cunhado da vítima, que voltavam do trabalho, foram os primeiros da família a encontrá-lo. Todos os parentes ficaram abalados.

A Polícia Militar (PM) foi acionada, mas os bandidos não foram encontrados. A Polícia Científica acredita que mais de dez disparos de arma de fogo foram disparados na direção de Nascimento. O caso segue investigado pela Polícia Civil de São José dos Pinhais.

Fazenda Rio Grande

A Polícia Militar (PM) também foi acionada por moradores da Rua Castro Alves, no Jardim Veneza, em Fazenda Rio Grande, também na região metropolitana de Curitiba, ao ouvirem tiros. Um rapaz foi encontrado morto no meio da rua. Ele foi identificado como Vilmar Prestes de Souza e já tinha sido preso duas vezes pelo crime de tráfico de drogas.