(Fotos: Djalma Malaquias – Banda B)

Um atirador encapuzado invadiu uma residência e matou um casal na Rua Carlos Essenfelder, no bairro Boqueirão, em Curitiba, no fim da manhã desta quarta-feira (20). O filho dos dois, um menino de dois anos, foi poupado pelo assassino.

Segundo testemunhas, o técnico de uma TV a cabo também estava na residência no momento do crime e presenciou toda a cena. “O morador liberou o meu colega para pegar o material da instalação no carro e, nisso, o assassino pegou o portão aberto e veio atrás. O casal já estava acordado e foi surpreendido pelo atirador. O técnico disse que ouviu do bandido ‘fique tranquilo senão você vai junto’”, contou outro funcionário da empresa de telefonia.

As vítimas foram identificadas como Ricardo Cordeiro, de 32 anos, e Juliane de Matos, 25. Vizinhos afirmaram que o casal havia se mudado há cerca de 10 dias para a região. A mãe do rapaz, Elizabeth Alves, ficou em choque e não soube dizer o que teria motivado o crime.

“De manhã eu vim trazer um jogo de sofá que comprei para o meu filho e saí para trabalhar. Estava tudo bem, não havia nada de diferente. Ele não tinha inimigo nenhum e não sofria ameaças. O Ricardo tinha passagem pela polícia, mas já pagou por tudo e fazia anos que estava em liberdade, de bem com todo mundo… Por pouco não matam o meu neto”, disse ela, muito abalada.

Após perícia do local do crime, os corpos devem ser recolhidos ao Instituto Médico Legal e a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investiga o caso.