(Fotos: Flávia Barros – Banda B)

 

Um confronto policial deixou três suspeitos mortos no bairro Umbará, em Curitiba, no fim da manhã desta terça-feira (26). O caso teve início em Fazenda Rio Grande, na região metropolitana, quando quatro bandidos assaltaram uma loja de roupas e calçados no bairro Santa Terezinha.

Segundo o tenente Johanes, do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), eles chegaram no estabelecimento em um veículo Golf. “Após o roubo, eles fugiram e abandonaram o veículo. Em seguida, assaltaram um motorista na BR-116 e levaram o carro dele, um Sandero vermelho, que já gerou alerta de roubo. Durante a perseguição, eles bateram o carro, já na entrada da Rua Vereador Ângelo Burbello, e saíram correndo a pé para um matagal”, explicou ele em entrevista à Banda B.

Equipes das Rondas Ostensivas de Natureza Especial (Rone) foram até o local e encontraram três suspeitos. “Eles iniciaram o confronto e as equipes revidaram. Dois foram atingidos e morreram, enquanto um conseguiu fugir. Em outro ponto, policiais trocaram tiros com o quarto indivíduo, que também foi baleado e não resistiu”, completou.

No local, as equipes encontraram diversos objetos roubados da loja de roupas e calçados em Fazenda Rio Grande, além de três armas. O suspeito que fugiu ainda não foi localizado. O Siate chegou a ser acionado, mas os três rapazes já estavam mortos.

Vítima

O motorista do Sandero, um homem de 35 anos, contou que passou por momentos de muito medo após ser abordado pelos bandidos. “Eu estava na frente da minha casa, saía para pegar a minha esposa na escola, onde ela é professora, quando os marginais me renderam. Me mandaram descer do veículo e foi o que eu fiz, sem esboçar reação. Foi muito assustador”.

Segundo ele, o quarteto teria tentado levar uma caminhonete de outra pessoa, mas o condutor conseguiu fugir dos assaltantes. A polícia deve investigar o caso, para identificar e encontrar o último envolvido nos assaltos e confronto.