Foto: Luiz Ferraz/Banda B

O lateral-esquerdo Juninho chegou ao Paraná Clube em 2018, durante a campanha na Série A, mas somente nesta temporada começou a ter uma sequência de jogos no Tricolor. O jogador, de 24 anos, já disputou seis partidas com a camisa paranista e tem se mostrado uma das melhores peças à disposição do técnico Allan Aal, que ainda não encontrou sua escalação ideal. O Paraná, apesar da classificação na Copa do Brasil, é somente o oitavo colocado no Campeonato Paranaense e sofre com seu setor ofensivo, que marcou apenas seis vezes em 2020.

Em entrevista na Vila Capanema antes do treino da última terça-feira (12), Juninho ressaltou a juventude do atual elenco do Paraná e disse que o time ainda precisa se conhecer melhor para evoluir na temporada. “É um time construído com vários jogadores novos. Estamos trabalhando para ter um conjunto em cada jogo, em cada treino. Estamos ganhando corpo aos poucos”, afirmou à imprensa.

Sobre sua evolução em campo e a falta de gols do Tricolor, o lateral-esquerdo foi sincero sobre as falhas da equipe. “Fico feliz de participar dos gols, mas precisamos nos cobrar mais no ataque. Eu chego bastante no fundo, mas tenho que aproveitar mais. A melhor resposta que posso dar é nos treinamentos. É isso que vou fazer. Teremos uma semana longa e pode ter certeza que pode esperar melhor aproveitamento”, disse. O Paraná terá até domingo para se prepara para o jogo contra o Operário, domingo (16), na Vila Capanema.

Juninho também rasgou elogios ao técnico paranista que, mesmo com os problemas financeiros, tem montado uma equipe competitiva, principalmente na defesa. “O Allan é um treinador extraordinário. Desde o ano passado, sendo auxiliar, ele já falava com a gente. Estamos assimilando bem. Nós que temos que resolver em campo. É um treinador que eleva nossa moral e não foge da responsabilidade”, acrescentou.

Confira a entrevista coletiva do lateral Juninho:

Entrevista com o lateral esquerdo Juninho do Paraná Clube

Posted by Esporte Banda B on Tuesday, February 11, 2020