O Coritiba está de luto. Faleceu nesta terça-feira (18), aos 77 anos, o ex-presidente Edison Mauad, que comandou o clube em dois períodos, entre 1980 e 1981 e entre 1995 e 1996. Participante direto da história alviverde por pelo menos 50 anos, Mauad também era sogro de Alex, o maior jogador do Coxa em todos os tempos, casado com a sua filha Daiane. Ele não resistiu a uma cirurgia no coração. Os detalhes do velório ainda não foram divulgados.

Dono de uma das principais construtoras do Paraná nos anos 1960 e 1970, Mauad assumiu um lugar no Conselho Deliberativo do Coritiba, e em 1980 assumiu a presidência após a saída de Amauri Cruz dos Santos. Em um período de 28 anos de protagonismo de Evangelino da Costa Neves, ele foi um dos quatro presidentes que comandaram o Coxa nos seis anos em que o “Chinês” se afastou do clube.

E quando Evangelino encerrou seu ciclo no Coritiba, em 1995, com o clube envolvido em dívidas, Edison Mauad se uniu a Joel Malucelli e Sérgio Prosdócimo, outros dois empresários bem-sucedidos, para criar o que se chamou de “triunvirato”. Os três lideraram o Coxa por quase dez anos, alternando-se na presidência.

Mauad foi o primeiro, assumindo o Coritiba em 1995. Era o mais “boleiro” do triunvirato, e por isso foi o escolhido para organizar o clube para a disputa da Série B do Campeonato Brasileiro daquele ano. Numa jornada longa e cheia de desafios, o Coxa acabou garantindo o acesso ao lado do Athletico, confirmando a volta à primeira divisão vencendo o rival por 3×0 no Couto Pereira.

Naquele período, um jovem meio-campista era lançado pelo técnico Paulo César Carpegiani. Alex rapidamente recebeu a camisa 10 do Coritiba, e passou a ser figura decisiva no time. E acabou também conquistando Daiane, a filha de Edison Mauad. Eles estão casados até hoje, dando três netos ao ex-presidente. Ele teve, no total, quatro filhos

Edison Mauad, ex-presidente do Coritiba
Edison Mauad tinha 77 anos e comandou o Coritiba entre 1980 e 1981 e entre 1995 e 1996. Foto: Reprodução/Redes Sociais

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Morre Edison Mauad, ex-presidente do Coritiba

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.