O técnico da seleção brasileira, Dunga, registrou ocorrência na noite de sábado (24) contra uma equipe de um programa de humor paulista “Legendários”, da TV Record, que estava em frente a sua casa, no bairro de Ipanema, zona sul de Porto Alegre.

Um repórter do programa de humor ficou até as 23h em frente à residência do treinador pedindo a convocação do atacante santista Neymar.

De acordo com a Polícia Civil, ao chegar em casa, por volta das 20h, o técnico não conseguiu entrar, pois um dos quatro veículos da emissora que estavam no local bloqueava a entrada da garagem.

Além disso, um forte holofote foi direcionado à casa. De acordo com a queixa do técnico, a iluminação assustou a família e obrigou todos a ficarem em um único cômodo para não se expor, já que a casa é
envidraçada.

Uma equipe da polícia esteve no local e pediu que as luzes fossem desligadas. A equipe da emissora cumpriu a determinação e ninguém foi detido. O técnico não deu entrevista ao programa.

De acordo com o escrivão Hugo Engel, da 6ª Delegacia de Polícia, do bairro Tristeza, a ocorrência foi registrada como perturbação do sossego alheio. Ele disse que ainda não foi definido se os integrantes
da equipe de TV precisarão depor.

A assessoria de imprensa da Rede Record disse que o que ocorreu foi uma “situação normal de jornalismo”.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Dunga se irrita com equipe de TV e chama a polícia em Porto Alegre

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.