A cozinheira ex-MasterChef Aritana Maroni marcou presença na 28ª edição da Parada do Orgulho LGBT+, em São Paulo, e revelou que após o divórcio, voltou a ser quem ela sempre foi.

aritana
Reprodução Instagram

“Eu cresci numa família onde meu pai [Oscar Maroni] sempre me ensinou que eu só iria saber a minha orientação sexual quando eu provasse e soubesse do que eu gostasse. Eu sempre gostei das duas opções. Quando eu me separei, eu só voltei a ser o que eu era. Agora, solteira, estou aberta para tudo”, disse ela ao site Terra.

A cozinheira diz ser pansexual, quando a atração se dá por pessoas, sem se limitar aos gêneros masculino ou feminino. Ela pode se interessar por todos os seres humanos, por exemplo, intersexuais, gênero fluido, travesti etc.

Aritana se junta a outros famosos que também já admitiram publicamente que se identificam com essa orientação sexual. São eles Reynaldo Gianecchini, Bella Thorne, Cara Delavigne, Miley Cyrus, Preta Gil e Bianca Andrade, a Boca Rosa.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

‘Solteira, estou aberta para tudo’, diz ex-MasterChef pansexual Aritana Maroni

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.