A polícia australiana investiga Scott Swift, pai da cantora Taylor Swift, por uma suposta agressão a um fotógrafo, que registrou queixa após receber um soco no momento em que tentava fazer imagens da artista.

pai-taylor-swift-investigado-agressao-fotografo
Foto: Reprodução/Instagram.

Segundo o Guardian, o caso aconteceu de madrugada. Taylor desembarcava de um iate após um show no país. O paparazzi Ben McDonald registrava imagens dela, quando alguns homens começaram a esconder a cantora.

Na sequência, com a descida da artista, alguns seguranças teriam empurrado o profissional. E, segundos depois, ele alega ter levado um soco nas costelas.

Em depoimento à AFP, o fotógrafo disse que num primeiro momento não sabia quem era o homem, mas que olhou nas fotos e percebeu que era o pai dela. “Foi um choque. Isso nunca aconteceu comigo em 26 anos”, disse.

Uma porta-voz da cantora disse que dois homens teriam empurrado a atacado de forma agressiva a equipe de Taylor Swift no cais. E teriam, inclusive, ameaçado jogar um funcionário na água. Já sobre a acusação contra Scott, a mesma representante não respondeu à publicação.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Polícia investiga pai de Taylor Swift por suposta agressão a fotógrafo

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.