O padre que autorizou a gravação de cenas do clipe “Feather”, de Sabrina Carpenter, em uma igreja em Nova York, foi afastado de suas funções, conforme confirmado pelo jornal “New York Times”. A Diocese de Brooklyn emitiu uma declaração datada de 2 de novembro, onde o Bispo Brennan expressou choque com o conteúdo filmado na Igreja da Anunciação da Bem-Aventurada Virgem Maria, no Brooklyn.

De acordo com o documento, a paróquia não seguiu a política diocesana em relação à filmagem nas propriedades da igreja, incluindo a revisão das cenas e do roteiro. A Diocese ressaltou que a empresa de produção não representou com precisão o conteúdo do vídeo, e Brennan está tratando do assunto com seriedade, prometendo uma investigação mais aprofundada.

Sabrina Carpenter
Foto: Reprodução

A paróquia comunicou à diocese sobre a falta de precisão na representação do vídeo pela empresa de produção, e o Bispo Brennan está empenhado em aprofundar a investigação. “Feather” é a mais recente música do álbum “Emails I Can’t Send”, lançado em julho de 2022, que já teve clipes para outras faixas, como “Nonsense”, “Because I Liked a Boy”, “Fast Times” e “Skinny Dipping”.

O clipe de “Feather”, lançado no dia 31 de outubro, mostra a cantora Sabrina Carpenter se vingando de assediadores em diversas situações, desde a rua até a academia e até mesmo em um elevador, além de dançar na igreja ao lado de caixões coloridos.

A cantora esteve recentemente no Brasil como atração de abertura da “The Eras Tour” de Taylor Swift, se apresentando no Rio de Janeiro e em São Paulo.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Padre é afastado após liberar gravações de clipe de Sabrina Carpenter em igreja

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.