O ex-campeão mundial peso-pesado Mike Tyson precisará realizar exames no cérebro e no coração para poder lutar com Jake Paul, boxeador e youtuber.

O Departamento de Licenciamento e Regulamentações do Texas (TDLR) exige que Mike realize um eletroencefalograma e um eletrocardiograma, para analisar a atividade cerebral e cardíaca do lutador, respectivamente.

Os resultados precisam ser bons para o departamento autorizar a luta. Todos os lutadores precisam realizar esses exames, mas competidores com mais 36 anos são obrigados a apresentarem resultados favoráveis. A informação é de Tela Mange, diretora de comunicações do TDLR, ao USA TODAY Sports.

mike-tyson-jake-paul
Mike Tyson precisará ser aprovado em exames para poder enfrentar Jake Paul em julho. Foto: Reprodução/Instagram/Jake Paul

Na ocasião da luta, Mike terá 58 anos, 31 a menos que seu adversário Jake Paul – um dos motivos que o confronto tem sofrido algumas críticas de fãs do esporte.

A última disputa da lenda do boxe foi em novembro de 2020, quando empatou com Roy Jones Jr.; profissionalmente não luta desde 2005. Em sua carreira, Mike tem 50 vitórias (44 por nocaute) e apenas seis derrotas.

Já Jake alcançou, neste ano, o marco de três lutas de invencibilidade, após derrotar Ryan Bourland. Ele conta com nove vitórias (6 por nocaute) e uma derrota, mas apenas três dessas lutas eram contra lutadores profissionais.

A luta está prevista para 20 de julho, em Arlington (EUA), no estádio do Dallas Cowboys (NFL).

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Mike Tyson fará exames no cérebro e coração antes de enfrentar Jake Paul

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.