A vida de plástico é fantástica, de acordo com muitos críticos, que elogiaram amplamente o filme da Barbie.

O filme amplamente divulgado em campanhas de publicidade será lançado no Brasil nesta quinta-feira (20) — ao lado de Oppenheimer, de Christopher Nolan — e é estrelado por Margot Robbie e Ryan Gosling.

Margot Robbie e Ryan Gosling interpretam Barbie e Ken no filme de Greta Gerwig. Foto: Warner Bros

A revista Empire classificou Barbie como um filme “dolorosamente engraçado”, enquanto o jornal britânicoIndependent o descreveu como “alegre minuto a minuto”.

Mas a opinião não é unânime. A publicação britânica Daily Mail afirmou que o longa é “irregular e desconexo”, enquanto a revista Time disse que era “muito bonito, mas não muito profundo”. Robbie estrela como a boneca no filme da diretora Greta Gerwig, que foi feito com a cooperação da fabricante de brinquedos Mattel.

Em uma crítica em que deu cinco estrelas, Clarisse Loughrey, da publicação britânica Independent, escreveu: “Barbie é um dos filmes mainstream mais inventivos, imaculadamente elaborados e surpreendentes da memória recente — uma prova do que pode ser alcançado até mesmo nas entranhas mais profundas do capitalismo”.

“Embora seja impossível para qualquer filme de estúdio ser verdadeiramente subversivo, especialmente quando a cultura de consumo percebeu que a autoconsciência é boa para os negócios, Barbie consegue muito mais do que você pensa ser possível.”

Robbie Collin, do também britânico Telegraph, foi positivo, premiando o filme com quatro estrelas e descrevendo-o como “profundamente bizarro, conceitualmente escorregadio e muitas vezes hilário”.

Para ler a matéria completa da BBC News Brasil, clique aqui

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

‘Hilário’ e ‘anti-homem’: saiba o que dizem críticas internacionais sobre filme da Barbie

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.