Um caminhoneiro de 62 anos, morador da cidade de São Francisco do Sul, em Santa Catarina (SC), é a primeira vítima identificada da tragédia na BR-376, que aconteceu na noite desta segunda-feira (28). João Maria Pires foi a segunda pessoa a ser encontrada, já sem vida, pelas forças de resgate após o deslizamento de terra causado pelas fortes chuvas que atingem o Paraná e o estado vizinho.

vítima BR-376
João Maria Pires, de 62 anos, ficou com o caminhão a beira do precipício após o deslizamento de terra na BR-376. Foto: Divulgação/Redes Sociais/Montagem Banda B

Após a confirmação da identificação, milhares de condolências “invadiram” os perfis de sites de notícias por usuários sentidos pelo contexto da morte. Conforme apurado pela Banda B, João teve seu corpo encontrado após ter o caminhão atingido pela terra. Como é possível de ver na imagem acima, depois do deslizamento, o veículo ficou pendurado a beira do precipício.

O sepultamento de João está marcado para a tarde desta quarta no Cemitério Municipal de São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba (RMC). A Banda B presta sentimentos a amigos, familiares e conhecidos do caminhoneiro.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Caminhoneiro de 62 anos, de São Francisco do Sul, é 1ª vítima identificada de tragédia na BR-376

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.