Por Elizangela Jubanski e Bruno Henrique

Vizinhos próximos a Estrada do Campestre, zona rural de Araucária, na região metropolitana de Curitiba, estavam incomodados com um forte cheiro que vinha de um matagal há dias. No fim da tarde deste domingo (24), eles descobriram o motivo e acionaram a Polícia Militar (PM).

Por volta das 18h, os moradores resolveram seguir alguns cães que entraram e saíam do matagal durante todo o tempo. Parcialmente enterrado, eles descobriram um corpo em avançado estado de decomposição.

A Polícia Científica foi acionada e descobriu que o corpo era de uma mulher com cerca de 25 anos. De acordo com os peritos, a mulher foi deixada no local há, pelo menos, uma semana. A mulher vestia uma legging e blusinha branca. Exames complementares no Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba vão identificar a causa da morte e a identidade da vítima.