(Foto: Street View)

 

Um universitário angolano de 22 anos foi preso por se masturbar na frente de uma mulher de 33 anos e da filha dela, de 13 anos, dentro do elevador de um prédio em Vila Velha, na Região Metropolitana de Vitória, no Espírito Santo. Segundo a polícia, João Saldanha, que mora numa república para estudantes dentro do edifício, foi liberado após pagar R$ 8 mil de fiança.

O caso aconteceu no último sábado. De acordo com o titular da 2ª Delegacia Regional de Vila Velha, Marcelo Nolasco, as vítimas acionaram o porteiro do prédio, que ligou para a polícia.

— Ele tirou o pênis da calça e começou a se masturbar olhando para elas. Mãe e filha desceram, foram até a portaria. O porteiro disse a elas que viu tudo pela câmera de segurança e, acionando um botão, prendeu ele no elevador. Logo depois, o porteiro acionou a Polícia Militar, e ele foi preso — disse.

Para ler a matéria completa no Portal Extra clique aqui.