Três suspeitos de estarem envolvidos em um esquema de desmanche de veículos foram mortos após troca de tiros com equipes da Guarda Municipal (GM). O confronto aconteceu no início da noite desta quinta-feira (1º), em uma chácara localizada na Colônia Murici, em São José dos Pinhais, região metropolitana de Curitiba. Dois homens conseguiram fugir.

Segundo informações do diretor da Guarda Municipal, Oliveira, denúncias levaram agentes da Inteligência da GM ao local onde estaria sendo praticado o crime. “Dados foram colhidos e realmente foi constatado que estaria acontecendo desmanche de veículos no local. Hoje, recebemos a informação de que alguns suspeitos estariam praticando o crime”, explicou.

Guardas foram até o endereço e acionaram agentes da Rondas Municipais (Romu) para prestar apoio à ocorrência. Ao entrarem na chácara, Oliveira afirmou que as equipes foram recebidas a tiros: “Ao tentarem abordar os suspeitos, as equipes foram recebidas a tiros por cinco homens”.

Foto: Daniela Sevieri/Banda B

Entre a troca de tiros, três deles acabaram morrendo e dois conseguiram fugir. O trio não portava documentos de identificação.

O Siate chegou a ser acionado para prestar atendimento médico aos suspeitos, mas eles acabaram morrendo antes de serem socorridos.

Os cinco suspeitos que o diretor citou estariam desmanchando um carro no momento da chegada da GM e da Romu. Há a suspeita de que o veículo seja um VW/Gol, porém Oliveira destacou que ainda não é possível confirmar o modelo por conta do atual estado do veículo.

“Três armas foram apreendidas, além de um veículo Celta. Várias peças de diversos tipos de veículos foram encontradas também”, disse o diretor. Os itens foram encaminhados à Delegacia Regional de Polícia Civil.

De acordo com a GM, um bloqueador de sinal foi encontrado também.

Equipes estiveram fazendo buscas pelos dois suspeitos na região, mas até a publicação desta reportagem não foram encontrados.