De acordo com a Guarda Municipal de Rio Branco do Sul, os abusos aconteciam há cerca de um mês – (Foto: Djalma Malaquias / Banda B)

Um jovem de 23 anos foi preso em flagrante pela Guarda Municipal (GM) nesta quinta-feira (22) por estupro de vulnerável em Campina Grande do Sul, região metropolitana de Curitiba. De acordo com a GM, a vítima é a própria sobrinha do suspeito, de apenas 10 anos.

O caso foi testemunhado pelo inquilino do suspeito, no final desta madrugada. “A menina saiu nua do banheiro, chorando. Eu estava armado. Quase atirei nele, pois sou militar reformado e não aceito isso”, afirmou o dono da residência, responsável pela denúncia.

Segundo a GM, o suspeito ameaçava o resto da família para cometer o crime. “Quando tivemos conhecimento do caso, descobrimos que além de agredir a mãe e embriagar o outro sobrinho, de 15 anos, o rapaz batia e abusava da menina de 10”, afirmou o delegado Luiz Carlos de Oliveira.

Seguindo as normas do Estatuto da Criança e do Adolescente, o nome do suspeito não será divulgado pela polícia, para evitar a identificação da vítima.