PF conseguiu rastrear paradeiro do suspeito (Foto: Divulgação PF)

 

Suspeito de abusar sexualmente de uma criança de dez anos, um homem foi preso pela Polícia Federal na manhã desta terça-feira (13), em Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. Segundo as investigações, ele registrou os abusos em vídeo e compartilhou as imagens na internet, tendo sido estes arquivos encontrados em computadores pertencentes a abusadores sexuais de crianças presos na Sérvia, Suécia, França, Áustria e Brasil.

Segundo a Polícia Federal, o suspeito foi detido durante cumprimento de mandados de busca e prisão preventiva autorizados pelo juízo da 14ª Vara Federal de Curitiba, em inquérito que investiga os crimes de estupro de vulnerável, produção, posse e compartilhamento de pornografia infantil na internet.

Os arquivos identificados estavam em redes de compartilhamento de arquivos e em fóruns de pornografia infantil mantidos na internet não indexada, também conhecida como “deep web”.

Com base em alguns detalhes dos vídeos compartilhados foi realizado um trabalho de investigação que possibilitou a identificação da vítima, do autor do crime e do local onde os abusos foram praticados.

A prisão preventiva foi decretada como garantia da ordem pública, a fim de impedir que outras crianças fossem abusadas, tendo o juízo entendido que o indivíduo preso oferece risco concreto à sociedade, em especial às crianças de seu convívio.

As investigações continuam em andamento, tendo como principal objetivo a identificação de outras crianças que possam ter sido vítimas do abusador sexual preso.