Sócio da empresa foi morto a tiros (Foto: Daniela Sevieri – Banda B)

 

Um crime em Araucária, na região metropolitana de Curitiba, na noite desta quinta-feira (14), terminou com um dos sócios de uma empresa de segurança morto a tiros depois de um possível assalto. O caso aconteceu na sede da empresa que fica na Rua Júlia Theresa Bini, quase com a Avenida Brasil, no Centro da cidade metropolitana.

Empresário foi morto a tiros (Foto: Facebook)

O tenente Willian, do 17º Batalhão da Polícia Militar, explicou que, de acordo com o outro sócio da empresa, um homem armado invadiu o local e deu voz de assalto às vítimas, que terminou na morte de Célio Roberto Soares de Campos, de 35 anos.

“A equipe chegou no local e foi constatado que seria um suposto latrocínio (roubo seguido de morte). O assaltante chegou a pé, pediu carteira e celular e disparou contra um dos sócios que fez menção de levantar”, contou o tenente.

O delegado de Araucária Thiago Wladyca relatou que a vítima fatal levou um tiro pela frente, e detalhou o que a outra vítima relatou de forma informal à Polícia Civil. “Falou que ouviu o tiro porque o seu sócio fez um movimento mais abrupto. Afirmou ainda que a vítima não tinha, aparentemente, nenhuma inimizade”, afirmou.

A hipótese de latrocínio ainda não foi confirmada, do mesmo jeito que a suspeita de homicídio não foi completamente excluída.