Por Elizangela Jubanski e Antônio Nascimento

Um crime misterioso que aconteceu na noite desta quarta-feira (31) está sendo investigado pela delegacia de São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. Ademir Bueno da Costa, 22 anos, foi morto a tiros pouco depois de ter acionado a Polícia Militar (PM), por meio do 190. O pedido de socorro da vítima era contra a ex-namorada.

Por volta das 20h30, Costa acionou a PM informando que estava sendo ameaçado pela ex-namorada, que dirigia um veículo próximo a casa dele e dizia querer atropelá-lo caso saísse de casa, na região do Rio Pequeno.

Cerca de vinte minutos depois, quando a viatura chegava no local indicado, policiais receberam a informação de que um jovem estava baleado na rua Onofre Hotthman, na mesma região. “Quando a viatura estava indo para esse local, atender o pedido do rapaz, policiais ouviram que na região teria um jovem ferido. Isso aconteceu logo depois do chamado dele”, disse um policial militar à Banda B, que pediu para não ser identificado.

O jovem foi atingido por um disparo de arma de fogo e há poucas testemunhas. O Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate) foi acionado, mas Costa já estava morto. A família da vítima estava em choque e deve prestar depoimento nesta sexta-feira (2). A delegacia do município investiga o caso e procura mais informações sobre o paradeiro da ex-namorada.