Presa, Mariluce agora permanece à disposição da Justiça (Foto: Divulgação)

 

Procurada por um roubo de R$ 3 milhões contra uma joalheria e mais crimes, uma mulher de 46 anos foi presa nesta quarta-feira (10), em Curitiba. De acordo com a Polícia Civil, Mariluce da Silva de Oliveira foi presa no pet shop em que é dona, localizado no bairro Sítio Cercado.

O delegado Gerson Machado explicou que a detida tinha três mandados de prisão contra ela, incluindo o de participação nesse roubo a uma joalheria de Florianópolis, no estado de Santa Catarina. “É uma mulher extremamente perigosa e que era procurada pela Justiça e que, desde então, vem fugindo da polícia. Ela se hospedava em hotéis da periferia, em pensões e casas de amigos, mas teve a infeliz ideia de virar microempresária e felizmente uma pessoa nos auxiliou na prisão”, explicou.

Além do roubo contra a joalheria, que aconteceu em 2008, ela era procurada por outros roubos em Icaraíma, no noroeste do Paraná, e Campo Largo, na região metropolitana. À polícia, a detida confessou que o dinheiro do roubo em Florianópolis possibilitou as fugas da Justiça até aqui.

Presa, Mariluce foi encaminhada ao 5º Distrito Policial e passa a responder pelos crimes.