O detento Elias Pereira da Silva, conhecido como Elias Maluco, foi encontrado morto nesta terça-feira (22), no Presídio Federal de Catanduvas, no Paraná. Ele foi um dos maiores traficantes de drogas do Rio de Janeiro e foi preso no ano de 2002, após o assassinato do Jornalista Tim Lopes.

Foto: Reprodução

A causa da morte ainda esta sendo apurada e uma equipe de perícia da Polícia Federal de Foz do Iguaçu deve ir até o Presídio Federal para a realização dos trabalhos.

O Depen Federal emitiu nota sobre o caso. Leia na íntegra:

“O Departamento Penitenciário Nacional informa sobre o falecimento do preso Elias Pereira da Silva na tarde desta terça-feira (22/09/2020), na Penitenciária Federal em Catanduvas.

O local foi preservado até a chegada da Polícia Federal que foi acionada para fazer a perícia. A família foi comunicada pelo Serviço Social da unidade.

O Depen Informa, ainda, que preza pelo irrestrito cumprimento da Lei de Execução Penal e que todas as assistências previstas no normativo são garantidas aos privados de liberdade que se encontram custodiados no Sistema Penitenciário Federal.”

Leia AQUI a reportagem completa da CGN, portal parceiro da Banda B