Redação

Policiais militares que resgataram as gêmeas – Foto: Colaboração

Passam bem as gêmeas recém nascidas que foram abandonadas na noite da ultima sexta-feira (21), em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC). As crianças foram encontradas por uma moradora num terreno baldio, enroladas em um cobertor. Ela levou as crianças para casa, ainda com o cordão umbilical, e chamou a policia. Uma das crianças tinha marcas de sangue, com sinais de que tinha acabado de nascer e que o parto foi feito em casa.

As irmãs estão internadas no Hospital Municipal de Pinhais. Segundo os médicos, as bebês nasceram com 36 semanas. Uma delas tem 2,75kg e a outra, 1,7kg. Encantados, os profissionais do hospital deram os nomes de Heloíse e Eloá para as duas. Ainda não há previsão de alta. Quando saírem, as gêmeas devem ir para um abrigo enquanto aguardam adoção.

A Delegacia de Pinhais investiga o caso e tenta descobrir quem abandonou as irmãs ao relento. A temperatura na hora em que elas foram encontradas estava em torno dos 10º C.

A polícia procura imagens de câmeras de segurança que possam ajudar a encontrar os ou o responsável pelo abandono. Vizinhos do jardim Claudia relataram que viram um carro prata circulando pela região, mas a polícia ainda não tem elementos para saber se o condutor do carro teria relação com as irmãs abandonadas.