Por Elizangela Jubanski e Danaê Bubalo

crimesPoucas informações foram repassadas para a PM. Foto: DB/Banda B

Em menos de uma hora, duas pessoas foram assassinadas na noite desta quarta-feira (3) na região metropolitana de Curitiba. Uma vítima está sem identificação e a outra é Ronaldo de Melo, 43 anos, que morreu próximo a um local de uso de drogas. A Polícia Civil investiga os crimes.

Por volta das 23 horas, em Fazenda Rio Grande, na avenida Venezuela, no bairro Nações, um homem de aproximadamente 38 anos foi baleado. Segundo testemunhas, passageiros de um veículo Kadet passaram atirando em direção à vítima. “Não sabemos a motivação, nem a autoria desse crime. Poucas informações foram colhidas no local”, disse o tenente Cason do 17º BPM à Banda B.

Uma equipe do Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate), do Corpo de Bombeiros, esteve no local, mas o homem morreu na hora. O crime aconteceu em frente a um comércio, mesmo assim, poucas pessoas falaram com a Polícia Militar (PM).

crimes2Família confirmou que vítima tinha envolvimento com as drogas. Foto: DB/Banda B

Pouco tempo depois, moradores foram surpreendidos por estampidos de arma de fogo em Araucária, também na região metropolitana. O segundo crime aconteceu na rua Zacarias Lemos, no Jardim Iguatemi. A Polícia Militar (PM) foi acionada e encontrou a vítima, identificada como Ronaldo de Melo, 43 anos. Ele estava caído próximo de algumas latas de cerveja. “A família confirmou que esse homem estava envolvido com as drogas há algum tempo”, contou o tenente Cason.

Melo foi atingido por diversos tiros e também morreu na hora. Moradores do local comentaram que onde o homem foi assassinado um grupo de amigos costuma se reunir para beber e consumir drogas. Ambos os corpos foram recolhidos ao Instituto Médico Legal de Curitiba e aguardam identificação oficial.