Após uma denúncia anônima, a Polícia Civil do Paraná (PCPR) prendeu um homem, de 44 anos, que mantinha um canil irregular, sem autorização de órgãos ambientais, no bairro Colônica Murici, em São José dos Pinhais, Região Metropolitana de Curitiba. No local, havia situações de maus-tratos e aprisionamento de ave silvestre. A ação foi realizada em conjunto com a Secretaria Municipal do Meio Ambiente de São José dos Pinhais.

As equipes constataram que o canil estava em péssimas condições sanitárias. A água era insalubre e o espaço físico insuficiente para a quantidade de animais – mais de 30 cães de estavam no local. Os animais eram de diversas raças, entre estas rottweiler, doberman, yorkshire e american bully.

A PCPR encontrou, ainda, um gavião da espécie pinhé, preso em uma gaiola, o que também caracteriza crime, pois trata-se da posse de um animal silvestre sem autorização da autoridade competente.

Diante do fato, o homem irá responder pela prática de maus-tratos contra os cães e por manter animal da fauna silvestre sem autorização em patrimônio privado. Além da sanção penal, o autuado também receberá um multas impostas pelo Município de São José dos Pinhais e pelo Instituto Ambiental do Paraná.