A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos (DFRV), estourou um desmanche clandestino, no bairro Cajuru, em Curitiba, na manhã desta terça-feira (19). No local, a equipe encontrou um veículo Ônix prata, que havia sido furtado há poucos dias, além de diversas peças e carcaças de automóveis adquiridos em leilões. Um homem, de 44 anos, responsável pelo local, foi preso em flagrante na ação.

Segundo a polícia, as investigações iniciaram com o intuito de apurar o furto ao Ônix, que aconteceu no dia 14 de setembro, no bairro Cristo Rei. O veículo foi encontrado já adulterado na suposta oficina do suspeito.

Ao vistoriar o local, a equipe descobriu que carros provenientes de furtos e roubos eram levados até lá para serem desmanchados e remontados com partes de outros veículos comprados em leilões.

O delegado-adjunto da especializada, Eric Tutia Guedes, afirmou que essa é uma nova modalidade de crime. “O destino de veículos furtados e roubados está mudando. Antigamente, eles eram levados para desmanches para serem desmontados, mas agora eles remontam os automóveis utilizando partes de veículos destruídos comprados em leilões, mesclando as peças”.

Guedes ainda frisa que as investigações continuam, com o objetivo de identificar demais pessoas envolvidas com a prática criminosa.

O homem foi autuado em flagrante por receptação qualificada e encontra-se preso no Setor de Carceragem Temporária (Secat) da DFRV.