Uma briga de casal terminou com a morte de um jovem, de 21 anos, na tarde desta quinta-feira (30), na rua José da Costa Machado, no bairro Roça Grande, em Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba. Por conta das más condições da residência onde moravam, o casal ainda perdeu a guarda dos filhos.

(Foto: Colaboração)

O tenente Assad, do 22.º Batalhão da Polícia Militar (PM), conta que os policiais foram chamados por um familiar da mulher. “A irmã dela estaria apanhando de seu marido dentro de sua casa. A equipe chegando no local viu as condições precárias da casa, as crianças e decidiu acionar o Conselho Tutelar. A conselheira foi ao local, acompanhou toda a situação e decidiu por recolher as crianças”, relatou o tenente.

Ainda de acordo com o oficial, no momento em que as crianças eram recolhidas pela conselheira, tanto a esposa como o marido teriam se exaltado. O jovem teria ainda pego uma faca e partido pra cima da PM.

“O rapaz largou um dos filhos no chão, pegou uma faca e partiu contra um dos policiais. Nesse momento, não dispondo de outros meios para o uso da força, ele realizou o disparo pra conter a agressão do indivíduo”, explicou Assad.

Já a mulher do jovem, que teria sido agredida por ele, defendeu o marido e criticou a ação da PM. “Ele foi abraçar o filho do meio e eu tava com o mais novo, já o outro eles puxaram. Eles falaram que ele foi pra cima, mas ele não foi. Ele virou de costas e nessa hora eles atiraram. Não precisava disso”, afirmou ela.

Ainda de acordo com a esposa, não haveria motivo para que ela perdesse a guarda dos filhos. A única razão, segundo ela, seria que a casa onde vive é ‘velha’.

O casal estava junto há quatro anos e tem dois filhos, de quatro meses e dois anos. Um Inquérito Policial Militar vai apurar todas as circunstâncias da morte do jovem de 21 anos.