PM foi preso em flagrante por tentativa de homicídio (Foto: Banda B)

Um policial militar, de 38 anos, foi preso em flagrante, por companheiros de farda, depois de atirar duas vezes contra um morador de rua no pátio de um posto de combustíveis na Av. Getúlio Vargas com a República Argentina, no bairro Água Verde, em Curitiba. A discussão entre os envolvidos aconteceu por volta da 1h30 desta quinta-feira (14).

O PM, que ingressou na corporação em 2010, está afastado das ruas por problemas disciplinares e novamente envolveu-se em confusão. Ele foi encaminhado à Central de Flagrantes, onde alegou legítima defesa, conforme explicou à Banda B o delegado Ivo Junior.

“Ele foi preso e trazido até aqui por ter atirado na vítima com revólver calibre 32. É uma arma com registro e ele foi autuado em flagrante por tentativa de homicídio, sendo agora levado ao Batalhão de Polícia de Guarda (BPGD), já que responde como um policial militar”, explicou o delegado.

Segundo Ivo Junior, o policial alegou legítima defesa. “Ele disse que teve um desentendimento e os dois entraram em vias de fato, quando ele efetuou os disparos, dizendo que queria apenas se defender”, destacou.

O morador de rua foi socorrido com tiros em perna e braço, sem risco de morte, ao Hospital Evangélico.