Por Elizangela Jubanski e Juliano Cunha

Uma adolescente de 15 anos foi socorrida pelo Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate), durante a noite desta quinta-feira (1º) depois de levar um tiro no pé. O caso foi registrado dentro de um condomínio na rua Nelson Ferreira da Luz, quase esquina com a José Alencar Guimarães, no bairro Campo Comprido, em Curitiba. O atirador seria o pai de outra adolescente conhecida da vítima.

Um homem em um veículo pediu para que a garota viesse até a entrada do condomínio. As primeiras informações indicam que o atirador era conhecido da vítima, segundo o cabo Araújo, do 13° BPM. “Um indivíduo chegou em um EcoSport nesse condomínio, interfonou para a vítima descer e atirou contra a garota. O porteiro disse que ele é conhecido da adolescente”, explicou.

O atirador – que é pai de outra adolescente – usou uma pistola de 9 milímetros para ferir o pé da garota. O suposto motivo do atentado seria um conflito entre as adolescentes, no entanto essa informação não foi confirmada pela Polícia Militar (PM).

“A mãe da garota repassou o endereço do suposto atirador. Agora a Polícia Civil investiga”, finaliza. O caso será investigado pelo Distrito Policial e o autor poderá responder por tentativa de homicídio. A menina não corre risco de morte.