O pai de Mateus Silva, 16 anos, não imaginou que na manhã deste sábado (28) encontraria o filho – desaparecido há dois dias em Fazenda Rio Grande, na região metropolitana de Curitiba – morto em um terreno baldio, próximo do casa. Ele saiu pelas ruas do bairro à procura do filho, como fazia desde o sumiço do adolescente. Mateus foi encontrado com um ferimento na cabeça e possivelmente tenha sido vítima de agressão. A família está inconsolada e afirmou que o garoto nunca tinha passado uma noite fora de casa.

 

Adolescente tinha marcas de agressão. Foto: DM/Banda B

 

A Polícia Militar (PM) foi acionada por volta das 8 horas pela própria família. O tenente do 17º BPM Guilherme Rodrigues disse à Banda B que o corpo do adolescente estava em um terreno baldio, ao lado de uma creche na Avenida Nossa Senhora de Guadalupe, no bairro Santa Terezinha.

“Foi o pai que encontrou o filho morto. Ele disse que foi trabalhar e quando voltou ele já não estava em casa e que não era do costume dele dormir fora de casa. Usaram as redes sociais para tentar encontrá-lo, mas o jovem foi encontrado morto. Uma situação bem triste”, disse ele.

Cartaz divulgado nas redes sociais. Foto: Reprodução

Antes de encontrar o adolescente morto, familiares e amigos compartilharam diversas mensagens nas redes sociais à procura de Mateus.

Causa

A cabeça do adolescente está ferida, mas apenas exames complementares no Instituto Médico Legal (IML) poderão confirmar a causa da morte. A rua onde o garoto foi encontrado morto é bastante movimentada e câmeras de segurança poderão auxiliar a Polícia Civil.