Ao menos nove pessoas foram presas e mais de 1.000 cigarros eletrônicos foram apreendidos durante uma operação conjunta da Polícia Civil, Procon e Vigilância Sanitária deflagrada nesta quinta-feira (13), em Curitiba (PR).

Entre os presos há proprietários e funcionários de estabelecimentos fiscalizados pelos órgãos. De acordo com a Polícia Civil, eles deverão responder por receptação qualificada, uma vez que estavam comercializando cigarros eletrônicos.

“As pessoas foram presas pela prática do crime de receptação qualificada, tendo em vista que ocorreu durante exercício de atividade comercial, o que aumenta a pena do crime para três a oito anos de reclusão”, explicou a delegada Aline Manzatto.

capas-cigarros-eletronicos
Foto: Divulgação/PCPR

Segundo a delegada Camila Cecconello, os estabelecimentos fiscalizados foram denunciados de forma anônima à polícia. “A venda, armazenagem, transporte e propaganda de cigarros eletrônicos é proibida, segundo resolução da Anvisa”, disse ela.

Os estabelecimentos também sofrerão sanções administrativas por parte da Vigilância Sanitária devido às infrações sanitárias.

Em uma das lojas, a polícia encontrou dezenas de dispositivos eletrônicos escondidos em um fundo falso de armário.

“Esse trabalho realizado é de extrema relevância, ainda mais envolvendo um produto que é altamente nocivo para a saúde dos consumidores. Vamos continuar fiscalizando esses locais que vendem esses produtos. É ilegal a fabricação, importação, distribuição e comercialização dos cigarros eletrônicos”, disse a diretora do Procon-PR, Claudia Silvano.

A proibição de cigarros eletrônicos

Os dispositivos eletrônicos para fumar (DEF), também conhecidos com cigarros eletrônicos, vaper e pod têm sua venda proibida desde abril por resolução da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

Em consulta pública aberta pelo órgão, 37% opinaram ser a favor da manutenção da proibição, enquanto 59% disseram ser contrários à medida. A enquete contou com 13.930 manifestações.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Nove são presos e mais de 1 mil cigarros eletrônicos são apreendidos durante operação em Curitiba

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.