Juliano Cunha – Banda B

A vítima encontrada com o corpo ainda em chamas na manhã da última quinta-feira na rua Sergipe, bairro Guaíra, em Curitiba, foi identificada na tarde desta segunda-feira (21). A mulher foi identificada pela arcada dentária como sendo Aline Fernandes da Silva, 24 anos, e a principal suspeita de autoria do crime recai sobre o ex-namorado dela.

De acordo com o delegado Rubens Recalcatti, o assassino seria um homem frio e envolvido com a criminalidade. “A forma como ela foi assassinada nos será revelada apenas após os laudos do Instituto Médico Legal (IML)”, disse.

O corpo de Aline foi encontrado na última quinta em um terreno baldio da fronteira das vilas Lindóia e Guaíra. Assim que os policiais militares identificaram que as chamas estavam destruindo um corpo completamente, acionaram a Delegacia de Homicídios (DH).

Um aposentado que conversou com a Banda B disse que durante a madrugada ouviu os cachorros latiram mais que o normal. “Estava tranquilo, não ouvi gritos, tiros, nada. Só lá pelas 4h que ouvi os cachorros latindo bastante, mas pensei que fosse outro cachorro andando na frente de casa”, contou.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Mulher que foi encontrada com o corpo em chamas no Guaíra é identificada pela polícia

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.