Uma mulher, de 33 anos, foi executada com pelo menos cinco tiros, na noite desta segunda-feira (25), em Campina Grande do Sul, na região metropolitana de Curitiba. O marido e o filho da vítima, que não tiveram as identidades reveladas, foram poupados pelos criminosos.

Testemunhas descreveram à polícia que dois homens encapuzados arrombaram a porta e invadiram a casa à procura de Viviane Bueno da Silva. Ela teria sido encontrada na sala do imóvel e atingida pelos disparos de pistola 9mm.

Mulher tem casa invadida e é executada a tiros em Campina Grande do Sul; marido e filho foram poupados
Mulher foi executada a tiros no Jardim Colina, por volta das 21h – Foto: Banda B

“Segundo informações, o marido estava em outro cômodo, e os bandidos não o viram. Ela é ex-usuária de drogas e tem problemas com dívidas. É uma casa pequena, de três cômodos”, disse o perito criminal da Polícia Científica Elmir Machado.

O marido e o filho de Viviane estariam no quarto quando os bandidos entraram na casa. Além disso, os autores do crime entraram no imóvel chamando pelo nome da vítima.

Mulher tem casa invadida e é executada a tiros em Campina Grande do Sul; marido e filho foram poupados
Viviane Bueno da Silva, de 33 anos – Foto: Reprodução/Redes sociais

Familiares de Viviane também relataram que ela tinha uma dívida com agiota. Ninguém havia sido preso até a publicação desta reportagem.

O caso será investigado pela Polícia Civil.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Mulher tem casa invadida e é executada a tiros em Campina Grande do Sul; marido e filho foram poupados

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.